A origem do pão

28 nov

pao

Hoje, iremos falar um pouco sobre o pão, um alimento muito consumido, sobretudo, nos nossos cafés da manhã, mas em várias outras refeições diárias. Quando e onde esse alimento tão presente no nosso cotidiano surgiu? Vamos descobrir!

Há relatos que o pão surgiu na Mesopotâmia (atual Iraque) há 12 mil anos, em decorrência do cultivo de trigo, o qual as pessoas utilizavam pedras para moer os grãos desse trigo, misturando-o com a água. O resultado disso era uma massa cozida sobre o fogo.

No entanto, foram os egípcios que descobriram e iniciaram o processo de fermentação. A mistura de água com farinha era exposta ao sol até que ocorresse a formação de bolhas e, a partir daí, eram assadas entre pedras aquecidas.

Na Europa, o pão chegou há aproximadamente 250 anos a.C, sendo inicialmente preparado em padarias. Com a queda do Império Romano, essas padarias foram fechadas e o pão começou a ser fabricado nas próprias residências. A partir do século XVII a França se destacou  na produção desse alimento, sendo considerada como o centro mundial de fabricação de pães.

No Brasil, o pão começou a ser conhecido no século XIX e, entre as variedades existentes, o mais consumido é o pão francês (também conhecido como pão de sal), produzido a partir de uma mistura de farinha, água, fermento e sal. A  Pesquisa de Orçamento Familiar (POF – 2008-2009) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), obteve como resultado que, o consumo per capta do pão francês foi de 53 g/dia no território nacional nesse período.

E o valor nutricional do pão?

O pão é um alimento rico em carboidrato, e o maior consumo ocorre no café da manhã, sendo muitas vezes consumido nos lanches da tarde.

Utilizando como exemplo 50 gramas de pão francês, ou seja, aproximadamente uma unidade do alimento, temos que:

Pão Francês

 

QUANTIDADE

1 pão (50g)

Calorias

150 Kcal (630 Kj)

Proteínas (g)

4,0

Lipídios (g)

1,55

Carboidratos (g)

29,3

Fonte: TACO, 2011.

Espero que tenham gostado de saber um pouco da história desse alimento tão gostoso.

Até a próxima!

  

Referências Bibliográficas:

GUIA DE BOAS PRÁTICAS NUTRICIONAIS PÃO FRANCÊS, Site Portal Anvisa, 2011. Em: 

http://portal.anvisa.gov.br/wps/wcm/connect/e3e08d8049ac92359467b66dcbd9c63c/Guia+de+Boas+Pr%C3%A1ticas+Nutricionais+para+p%C3%A3o+franc%C3%AAs.pdf?MOD=AJPERES

História do Pão, Site Brasil Escola. Em:

http://www.brasilescola.com/curiosidades/pao-na-historia.htm

Silva,G A. S.; LIMA F.F.; ALMEIDA J.C.; CAVALCANTE M.T.; ARAÚJO A.S. Avaliação físico-química do pãozinho de 50 gramas comercializado no interior da Paraíba, Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande,2011.

Tabela Brasileira de Composição de Alimentos (TACO), 2011. Em:

http://www.unicamp.br/nepa/taco/contar/taco_4_edicao_ampliada_e_revisada.pdf?arquivo=taco_4_versao_ampliada_e_revisada.pdf

História: A Origem do Pão, Site Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Em:

http://www.ufrgs.br/Alimentus/pao/curiosidades/historia.htm

Fonte-Imagem:

História do Pão, Site Brasil Escola.

Em: http://www.brasilescola.com/curiosidades/pao-na-historia.htm

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: